De quem é a culpa?

quinta-feira, 17 de março de 2011

Folhas secas ao vento

(por Marlon Vilhena)

Trilha Sonora: Móbile (Moska).


Naquele tempo solitário que se adianta, que se acelera em direção à retina gasta, tudo voltará a ser folhas secas ao vento. Mas até lá há de haver um lugar calmo à sombra para os que se vangloriam de pouco. Nem mais nem menos: exato: o equilíbrio do caos.