De quem é a culpa?

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

ILDEBRANDA MOCCIA

Gosto muito dos textos publicados no blog de vocês. Na verdade sempre odiei blogs, orkuts e coisas assim. Sempre achei a internet algo meio psicótico, masoquista, sem nenhuma profundidade cultural e humana. Tudo o que torna um ser humano descartável me deprime. Porém, quando por acaso li um texto de vocês chamado MANIFESTO DE PODER que me deixou muito emocionada, pela primeira vez na vida pude experimentar um sentimento compartilhado e pleno. Tornei-me uma fã sincera e devotada. Mesmo os textos mais sombrios e agressivos, ou trágicos ou poéticos. havia um prazer em entrar na internet só para ler vocês todos os dias, só para me encontrar com vocês, meus amorosos rapazes. Depois que meu filho morreu vocês se tornaram minha companhia de todos os dias. Ele também gostava muito de escrever e desenhar. Mas devo dizer que me sinto orfã outra vez. Talvez vocês não saibam o quanto têm ajudado a alguém que não conhecem.
Fica o meu pedido para que não se deixem abater e o meu colo e conselho de mãe para que voltem a escrever.E Marcos, feliz aniversário. Eu deveria ter dito isso antes, não quis dizer, mas eu amo você.